Olá, Serra Gaúcha! A serra gaúcha sem limites.

PUBLICIDADE
Caxias do Sul | 11/01/2017 - 08:20

Prefeitura propõe realização do Carnaval sem verba pública em 2017

A realização do Carnaval, uma das mais tradicionais festas do folclore brasileiro, está ameaçada em Caxias do Sul neste ano. Em reunião realizada na tarde desta terça-feira, dia 10, a Secretária da Cultura, Adriana Antunes, propôs que os desfiles sejam realizados sem nenhum repasse de verbas para as nove escolas de samba da cidade.

 

Conforme a secretária, o poder público se propõe a realizar a prestação de serviço, com efetivos da Guarda Municipal, da Secretaria de Trânsito, além de pessoal da Codeca, do Samae, da Secretaria de Habitação, do Meio Ambiente e da Agricultura, como já acontecia em anos anteriores. Não haverá, porém, nenhuma verba repassada às escolas para a compra de materiais e custos com operacionalização do desfile, como som, arquibancadas e banheiros para o público. “Nós temos uma equação difícil para resolver. A importância que a arte popular tem em uma ponta e na outra ponta o problema da falta de recursos que estamos enfrentando enquanto administração”, argumentou Adriana. A secretária também apresentou uma proposta a longo prazo, com parceria entre empresas e escolas para o financiamento do carnaval. “A gente propõe que a associação carnavalesca tenha uma autonomia. Para que a própria associação acabe se autogerindo. Isso não vai acontecer de uma hora para outra, mas nos colocamos como parceiros”, explicou. “Estão fazendo um trabalho de liquidar o carnaval”. A reunião foi marcada pela revolta dos representantes das escolas de samba.

 

O Presidente do Conselho da Associação das Entidades Recreativas, Esportivas, Culturais e Carnavalescas de Caxias do Sul, Cassiano Fontana, não poupou críticas a nova administração e definiu a decisão como puramente política. “É deprimente e uma falta de respeito o que a Secretária da Cultura fez com a gente nesta tarde. Trouxe uma proposta tirando todos os recursos das escolas, tirando arquibancada, não tendo som, não tendo banheiro para quem assiste o carnaval, e isso é lamentável. De forma irresponsável e discriminatória o prefeito Daniel Guerra e a Secretária da Cultura Adriana Antunes estão fazendo um trabalho de liquidar o carnaval”, disparou Fontana. O Presidente do Conselho ainda disse que vai propor aos presidentes das nove escolas de samba a realização de um carnaval fora de época, como aconteceu nos anos de 2008, 2009 e 2010. “Vou defender a realização de um carnaval fora de época, para que as escolas tenham mais tempo de organizar o carnaval. Eu sei que muita gente não gosta do carnaval, mas a gente lutou durante 20 anos para chegar em um patamar e agora vem um prefeito e uma secretária de forma imbecil fazer isso com as comunidades de Caxias. Isso não se faz”, reclamou.

 

Uma reunião às 18h desta terça-feira vai definir o posicionamento das escolas após o anúncio do poder público. No ano passado, o orçamento repassado às escolas foi de aproximadamente R$ 500 mil. Os cachês para as vencedoras variaram entre R$ 20 e R$ 50 mil. Conforme os organizadores, o carnaval é responsável por aproximadamente 800 empregos temporários e envolve cerca de 30 mil pessoas em Caxias do Sul.

 

Fonte/foto: Leouve / Divulgação


  • Comentários
    Comentários

    Comentários postados

    Nenhum comentário postado ainda, seja o primeiro a comentar!

  • Comentar

    Comentar

    Comente esta matéria







  • Envie para um amigo

    Envie para um amigo

    Envie esta notícia para um amigo









  • Fale com o Editor

    Fale com o editor

    Envie dúvidas e sugestões para o editor








Notícias relacionadas:


ACI apresentará balanço de 2016 e planejamento para 2017

21ª Feira do Peixe Vivo altera para o Largo da Estação Férrea

O Boticário comemora 30 anos de presença em Bento Gonçalves

Detran oferece curso para instrutores de Centros de Formação de Condutores

BNDES realiza atendimentos na FIMMA Brasil 2017

Safra de uva entra na fase final no Rio Grande do Sul

Consumidores da Serra Gaúcha terão desconto de 10,89% na conta de luz em abril

Cooperativa Vinícola Garibaldi premia vencedora do Gold Chef Brasil

FIMMA Brasil inicia em Bento Gonçalves com presença das lideranças do setor moveleiro

Projeto prevê modernização do Laboratório de Referência Enológica

Programação da Semana Santa inicia no dia 02 de abril

Restaurante da Escola de Gastronomia amplia serviços e abre à comunidade

Prefeitura apoia evento de beatificação do Padre João Schiavo em outubro

Quarta-feira terá presença de sol e nuvens no RS

Mega-Sena acumula e deve pagar R$ 20 milhões na próxima quarta-feira


PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre o seu endereço de e-mail e receba a nossa newsleter com as notícias do Olá! no seu e-mail.