Olá, Serra Gaúcha! A serra gaúcha sem limites.

PUBLICIDADE
Arte | 12/01/2018 - 17:24

Arquivo Histórico de Caxias do Sul atrai quatro mil pessoas em 2017

Espaço conta com acervo aproximado de cinco milhões de registros disponíveis para pesquisa

Documentos, fotos, mapas, áudios e outros itens que preservam a memória de Caxias do Sul e região atraíram cerca de quatro mil pessoas ao Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami no ano passado. De forma presencial e online, a maior fatia desse público, que corresponde a 77,35%, é de pesquisadores em busca de fragmentos da história de famílias e empresas, entre uma infinidade de contextos que podem ser explorados. No total, o Arquivo Histórico possui aproximadamente cinco milhões de itens disponíveis para consulta.

 

Criado oficialmente em 1976, o local é dividido em três unidades: Arquivo Público, Privado e Banco de Memória Oral, que possui mais de mil entrevistas. Entre os milhares de itens disponíveis, o acervo fotográfico é responsável pela maior demanda de pesquisas. Grande parte é proveniente de doações da população e de órgãos públicos. Em 2017, o Arquivo recebeu mais de 10 mil itens, como cartas, passaportes, fotografias e cadernos escolares, entre outros. Uma Comissão de Avaliação seleciona os materiais para o acervo, que devem ter ligação direta com a memória da cidade e da região.

 

Para chamar atenção à riqueza do acervo, alguns eventos ocuparam o espaço durante o ano, como a I Semana Nacional de Arquivos e colóquios com temas diversos, que somaram quase 500 participantes. O Arquivo também recebeu cerca de 300 pessoas em grupos acadêmicos ou turísticos de Caxias do Sul e de outras cidades brasileiras, que vieram conhecer o espaço. “O hábito de valorizar a história e o patrimônio documental, que é nosso objeto de trabalho, precisa ser inserido no dia a dia da comunidade, para que possamos olhar para trás e entender como chegamos até aqui”, defende Catiuscia Xavier, diretora interina do Arquivo Histórico Municipal João Spadari Adami.

 

O professor e historiador Ramon Tissot entende o Arquivo como o principal espaço de memória de Caxias do Sul. “Esse ambiente é de extrema importância, porque guarda a identidade do município. Quando vasculhamos o espaço, encontramos a Caxias do passado. Ele é um dos melhores arquivos da América Latina, com seu trabalho de patrimônio e memória”, destaca Ramon.

 

Qualquer pessoa pode ter acesso ao acervo. Apenas a reprodução de alguns itens está sujeita a restrições. Além de pesquisas presenciais, o Arquivo também disponibiliza grande parte da documentação pública para consulta on-line.

 

O Arquivo Histórico Municipal fica na Avenida Júlio de Castilhos, nº 318, no bairro N. Srª. de Lourdes, em Caxias do Sul. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 10h às 16h. Visitas guiadas para grupos podem ser agendadas pelo e-mail arquivomunicipal@caxias.rs.gov.br ou pelo telefone (54) 3901.1318.

 

Fonte: Prefeitura de Caxias do Sul
Foto: Caroline Santi Pegoraro


  • Comentários
    Comentários

    Comentários postados

    Nenhum comentário postado ainda, seja o primeiro a comentar!

  • Comentar

    Comentar

    Comente esta matéria







  • Envie para um amigo

    Envie para um amigo

    Envie esta notícia para um amigo









  • Fale com o Editor

    Fale com o editor

    Envie dúvidas e sugestões para o editor








Notícias relacionadas:


Projeto Matinê às 3 abre temporada na próxima semana em Caxias do Sul

Bate-papo literário ocorre nesta sexta-feira com escritores caxienses

Garibaldi promove a partir desta segunda-feira as Atividades de Férias

Josué Moreira lança neste sábado o álbum Flores e Palavras em Caxias do Sul

Cia. Municipal de Dança de Caxias do Sul promove seleção de bailarinos

Ordovás, Museu Municipal e galeria de arte sediam quatro exposições até janeiro

Caxias do Sul divulga programação cultural para este fim de semana

CIAD's realizam formaturas de 260 alunos no interior de Caxias do Sul

Grupo organiza gratuitamente encontros para debater a educação sexual em Caxias do Sul

"Roger Mello um artista sem fronteiras" fica até fevereiro em Caxias do Sul

Em Caxias, Sala de Cinema Ulysses Geremia abre na próxima semana a temporada 2018

Em Caxias, espetáculo ''As Aventuras do Fusca a Vela'' é antecipado para sábado

Banda caxiense Planta Carnívora lança disco Além do Sol

Caxiense Stefanie Ferronato é eleita a Miss Plus Size Rio Grande do Sul

Veranópolis divulga programação cultural para os próximos dias


PUBLICIDADE

Newsletter

Cadastre o seu endereço de e-mail e receba a nossa newsleter com as notícias do Olá! no seu e-mail.